PROJETOS

Escolha a iniciativa e faça sua doação

Minas Gerais

Associação Cultural Arebeldia

Belo Horizonte

A associação Cultural Rebeldia, fundada pela produtora cultural Danusa Carvalho e pelo rapper, músico e compositor Flávio Renegado, desenvolve na comunidade do Alto Vera Cruz e nas periferias de BH projetos culturais como : Festival de Inverno de Vilas e Favelas, Circuito Gastronômico de Favelas, ciclo de oficinas,Concertos sinfônicos entre outros projetos. (www.arebeldia.org.br ). 

Através da cultura vem contribuindo com o crescimento e o acesso a cultura na cidade e desde o início da quarentena Covid19, já distribuiu 13.000 cestas , kits de limpeza e higiene, 200 livros, 5000 máscaras, em 27 comunidades e 12 municípios do estado no norte de minas, onde a seca e a pobreza tem um dos maiores IDH do país. E participar desta campanha é uma honra, porque temos o nosso fundador cantando ao lado da nossa baluarte da resistência e uma das maiores cantoras do Brasil Elza Soares.

Maiores informações: https://www.instagram.com/arebeldia/

 

Banco Itaú

Ag. nº 0781

CC. nº 02665-3

Associação Arebeldia Cultural

CNPJ: 10.956.372/0001-40

CUFA Contra O Vírus

Belo Horizonte (e região metropolitana)

A ação humanitária CUFA Contra o Vírus em Minas Gerais tem como objetivo arrecadar doações para auxílio aos moradores de 100 favelas, abrangendo Belo Horizonte e Região Metropolitana. O grande diferencial no estado será a utilização de tecnologias na distribuição dos valores e logística para distribuição donativos.
Maiores informações: https://www.cufaminas.org/

Doações através de campanha de financiamento coletivo: https://www.vakinha.com.br/vaquinha/cufa-minas-contra-o-virus

Para doações através de transferência bancárias:

Banco SICOOB (756) 

Ag. nº 3166 

C.C. nº 71.515-8

CNPJ nº 07.648.380/0001-14  

Central Única das Favelas de MG

Conselho Indígenista Missionário (CIMI)

Abrangência nacional

Há 48 anos, o Cimi atua em defesa dos direitos dos povos indígenas do Brasil. Nessas mais de quatro décadas de compromisso com a causa indígena, temos atuado como aliados dos povos originários na luta por seus direitos históricos, pela valorização de seus conhecimentos tradicionais e pelo respeito à sua pluralidade e autodeterminação. Os povos indígenas nos inspiram a rever os sentidos da história e das práticas sociais, políticas e econômicas dominantes em nossa sociedade. Por isso, trabalhamos para dar visibilidade à diversidade de expressões, realidades e lutas vivenciadas por estes povos, assim como denunciar a violência de que são vítimas e as constantes violações a seus direitos mais básicos. 

Acreditamos na construção de uma sociedade democrática, justa e solidária, e entendemos que isto só é possível se ela for também pluriétnica e pluricultural, respeitando as diversas formas de se estar no mundo.

Maiores informações: https://cimi.org.br/

Doações:  https://cimi.org.br/apoie/

Lá da Favelinha

Belo Horizonte

Maiores informações: https://www.facebook.com/oficinaladafavelinha e https://www.instagram.com/ladafavelinha/?hl=pt-br

 

Caixa Econômica Federal

Ag. nº 2381

Operação: 003

C.C. nº 3296-7

Titular: Carlos Eduardo Costa dos Anjos

CNPJ: 16.526.624/0001-87

 

Doações podem ser realizadas também através do financiamento coletivo: https://evoe.cc/ladafavelinha

Mães da Favela

Abrangência nacional

Essa é a campanha da CUFA - Central Única das Favelas que trará uma renda mínima de auxílio a milhares de mães residentes de favelas em todo o Brasil.

 

Doações e maiores informações: https://www.maesdafavela.com.br/

O Movimento Brasil Andar Com Fé tem por fim apenas a divulgação de projetos e instituições extraídos de matérias publicadas nos principais veículos de imprensa e/ou indicados pelos artistas que participam do Movimento, de modo que seus idealizadores, integrantes e colaboradores não tem qualquer relação com os projetos e instituições listados acima. O Movimento Brasil Andar Com Fé, seus integrantes e colaboradores, não tem qualquer participação ou colaboração e, portanto, não poderão ser responsabilizados pelo recebimento ou gestão das doações, o que compete exclusivamente aos projetos e instituições apoiados.